Uncategorized

Povo Baniwa mantém ritual milenar do Kariamã

Participantes do ritual de Kariamã realizado na comunidade Ucuqui Cachoeira . Foto: Juliana Albuquerque/FOIRN

Uma das tradições milenares do povo Baniwa, o Kariamã continua sendo realizado na região do Rio Negro, no Amazonas. Nos dias 29 e 30 de maio, o ritual sagrado do Kariamã Masculino foi realizado na comunidade Ucuqui Cachoeira, no rio Uarana – Alto Içana, sendo conduzido por três anciões: Abel Fontes, Hilário Fontes e o pajé Dário Fontes. Esse rito de passagem tem como objetivo o repasse de conhecimentos culturais e mitológicos.

A iniciativa fortalece as tradições indígenas da região e tem o apoio da FOIRN, que foi representada pelo diretor de referência da Nadzoeri Dario Casimiro; pelo coordenador do Departamento de Educação Indígena, Melvino Fontes; pela coordenadora do Departamento de Jovens Indígenas, Gleyci Machado Maia e pelo integrante da Rede Wayuri de Comunicadores Indígenas, Plínio Guilherme.

No total, 13 pessoas passaram pelo ritual realizado na maloca Herieni, sendo 10 meninos com idade entre 7 e 12 anos, além de três adultos.

O Kariamã é um ritual de iniciação masculino e feminino, realizado separadamente, que marca a passagem da infância e adolescência para a vida adulta. Através do benzimento acompanhado do som de instrumentos confeccionados especificamente para a cerimônia, são realizados todos os preparativos para uma vida responsável e saudável, de coragem e fortalecimento espiritual do homem e da mulher.Devem ser seguidas uma série de regras, entre elas o sigilo total durante o rito. Quando as normas são quebradas, há penalização.

Durante o ritual de iniciação masculino, que dura aproximadamente 24 horas, é proibido que as mulheres participem diretamente da cerimônia.

Mestres de Cerimônia e equipe da FOIRN. Foto: Juliana Albuquerque/FOIRN

A comunidade Ucuqui Cachoeira, no Rio Uaraná, afluente do rio Içana, possui 39 famílias do povo Baniwa e é a última comunidade em território Brasileiro e uma das poucas que ainda mantém o ritual na forma original dos antigos.

Texto e Fotos: Juliana Albuquerque Baré/FOIRN

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Terra e Cultura

Blog da Federação das Organizações Indígenas do Rio Negro

Blog II da EIBC Pamáali 2014 a 2016

Bem-Vindo ao blog II da escola Pamáali, localizada no Médio Rio Içana-Alto Rio Negro. Aqui você encontra notícias da região do Alto Rio Negro sobre Educação Escolar Indígena e outros assuntos. Deixe seus comentários!

CAIMBRN

Coordenadoria das Associações Indígenas do Médio e Baixo Rio Negro

Blog do Povo Baniwa e Koripako

Nossa presença na Web

Antropologia médica

Diálogos entre pesquisadores latinoamericanos

Lúcio Flávio Pinto

A Agenda Amazônica de um jornalismo de combate

Uma (in)certa antropologia

Notas sobre o tempo, o clima e a diferença

Rio Negro

Blog do Ray Baniwa

%d blogueiros gostam disto: